Dean Weymes ganha na loteria e pede demissão da Amazon

De acordo com o famoso dicionário Aurélio, a sorte é: “Combinação de circunstâncias ou de acontecimentos que influem de um modo inelutável”. Ou ainda: “Tendência para circunstâncias majoritariamente positivas ou majoritariamente negativas”. No caso do irlandês Dean Weymes, as circunstâncias não poderiam ser melhores.

De forma totalmente inesperada, Dean pediu demissão de seu emprego na Amazon e deixou seus chefes e colegas de trabalho desacreditados quando se justificou. O motivo? A sua sorte invejável. Há duas semanas o destino do irlandês mudou para sempre assim como diz o Aurélio, inelutavelmente.

Dean Weymes
Foto: Phil Harris

Continue a leitura deste artigo e saiba mais sobre a história deste ex-funcionário da Amazon.

A sorte estava a favor de Dean Weymes

Como fazia em todos os outros dias comuns de sua vida, Dean Weymes saiu cedo de sua casa para trabalhar normalmente. Em uma terça-feira que estava prestes a ser incrível, chegou pontualmente às 7h da manhã na unidade da Amazon em que trabalhava.

Mas, o que ele não sabia é que essa seria a última vez que acordaria tão cedo para a labuta. Aos 24 anos de idade, o jovem irlandês atuava na seção de transportes da companhia. Quando o relógio marcava 11h mais ou menos, o jovem resolveu dar uma pequena pausa para descansar e aproveitou para conferir o resultado da loteria. Dean Weymes ficou em choque com o que viu e não conseguiu continuar trabalhando.

PROPAGANDA

Voltou à sua sala, informou aos seus companheiros que não passava muito bem e voltou pra casa, agora milionário. A notícia que Weymes recebeu ao conferir o resultado do jogo, é que ele havia ganhado o prêmio de 10 mil libras por mês durante os 30 anos seguintes. O valor é equivalente a quase R$ 50 mil.

No outro dia, Dean Weymes voltou para a companhia e solicitou a sua demissão. Quando explicou o motivo, seus superiores não acreditaram. Eles simplesmente disseram “você não pode escrever isso” por achar que o rapaz estava fazendo uma simples brincadeira.

Prêmio vai possibilitar a realização profissional

Quando alguém ganha um valor tão alto em um sorteio o primeiro questionamento que surge é sobre qual será o destino do dinheiro. Entre os muitos objetivos do irlandês, um deles é investir em sua carreira de roteirista, a qual ele era desacreditado.

“Sempre quis realizar meu sonho de me tornar roteirista e isso agora me permite a liberdade de fazê-lo. Estudei Roteiro na universidade, pois isso sempre foi uma paixão minha, mas nunca consegui fazer nada com isso. Eu posso transformar minha paixão em um trabalho, algo que nunca pensei que pudesse fazer.”

Além da meta profissional, Dean Weymes já investiu em um imóvel e está planejando viajar com toda sua família para a Disney de Paris. Um outro objetivo é auxiliar no tratamento de seu irmão de 23 anos, que é autista.

No Brasil, a chance é uma em 50 milhões

O que aconteceu com Dean é realmente uma obra do destino. Para quem tem fé, obra divina. Mas, numericamente falando, a possibilidade de um acontecimento como este ocorrer é quase impossível.No Brasil, por exemplo, um dos maiores prêmios concedidos em sorteios é a Mega da Virada.

Na última edição, o prêmio acumulado foi de R$ 302,5 milhões. Mas, de acordo com cálculos realizados pela Caixa, a chance de vencer é bem pequena. Baseados no número de apostadores e possibilidades de marcações, a probabilidade de preencher corretamente é uma em 50 milhões.

PROPAGANDA