Especialista dá 3 dicas para quem não consegue um emprego

Conseguir uma vaga de trabalho nos dias atuais não tem sido a tarefa mais fácil para muita gente. Em época de crise ou mesmo quando os tempos melhoras, a volta ao mercado de trabalho é algo distante da realidade de muita gente, aqui lhe daremos dicas para você que busca um emprego.

Na contramão, cresce o número de pessoas que abrem o próprio negócio e investem no empreendedorismo. E essa é só uma das dicas do especialista, que ainda cita outros 2 conselhos para quem busca as oportunidades do mercado.

Paulo Vieira é especialista em gestão de pessoas e autor de livros reconhecidos no país, como “O Poder da Ação” e “Poder e Alta Performance”. Ele ordenou 3 dicas importantes para quem não consegue um emprego nos dias de hoje.

A ideia do autor é que a pessoa busque maneiras de se diferenciar no mercado, onde há muitos concorrentes diretos para vagas de trabalho. Esses diferenciais podem vir através de um bom currículo, do autocontrole ou mesmo do empreendedorismo.

Foto: (reprodução/internet)

1 – Currículo Adequado

O currículo adequado, segundo Vieira, é aquele que é focado as exigências da vaga que está sendo buscada no mercado de trabalho. Tem a ver com os requisitos também.

PROPAGANDA

“O candidato tem que se informar sobre o que a vaga exige. Isso é buscar o aprimoramento do currículo”, avalia.

Esse é um dos pontos mais importantes para quem está em busca de uma vaga de emprego. E é um fator determinante para se diferenciar da maioria dos concorrentes também.

2 – As Emoções

Outro ponto fundamental para conseguir um emprego hoje em dia, além de melhorar o currículo, é dar atenção ao que ele chama de inteligência emocional.

Aqui, o especialista destaca características como: liderança, transparência, liberdade, ousadia e o autocontrole, que são algumas características importante, dicas pro emprego.

“Isso não vai estar escrito no currículo. No entanto, vai ser apresentado na entrevista, na dinâmica em grupo, na sua forma de trabalhar e de se relacionar”.

3 – O Empreendedorismo

Vieira ainda comenta sobre o empreendedorismo. Para ele, é uma forma de conseguir uma vaga de emprego no mercado de trabalho. E isso tem a ver com os profissionais liberais, autônomos, MEIs (microempreendedores individuais).

“Se está muito difícil no mercado de trabalho, empreenda. Aprenda a fazer isso buscando conhecimento em negócios e vendas”.

Ele fala que com as mudanças das leis de trabalho, as jornadas serão mais flexíveis e isso vai acontecer ao mesmo tempo em que as pessoas começam a deixar de ser empregados com carteira assinada e passem a ser as próprias pessoas jurídicas.

Conheça os seus diferenciais

Por fim, o especialista recomenda analisar os 3 pontos citados: currículo, emoção e empreendedorismo. A partir disso, o candidato tem que saber quais são os seus pontos fortes.

Isso vai ser importante tanto para uma entrevista de emprego como para um jantar de negócios.

As emoções, por exemplo, devem ser adequadas aos processos de seleção. Nessa hora, pratique a autoconfiança e a transparência. Já o desânimo e a vaidade são exemplos de características que tendem a não dar certo.

Para Vieira, a falta de inteligência emocional é o maior inimigo de quem vai passar por uma entrevista de emprego ou por uma dinâmica em grupo.

PROPAGANDA