Mais de 100 vagas são abertas na Amazon

Há quem diga que trabalhar na Amazon não é lá uma boa experiência. Em meio a tantos casos de más condições de trabalho, quando o nome da companhia surge em uma discussão, costuma trazer temor.

No entanto, os relatos que já foram trazidos à tona anteriormente, nunca aconteceram no Brasil. Todos eles ficaram restritos aos demais países em que a empresa também desenvolve operações. Portanto, pode ser que em solo verde e amarelo seja uma boa opção compor o time da Amazon.

na Amazon
Foto: (reprodução/internet)

Por isso, hoje vamos te mostrar algumas oportunidades de emprego que a companhia abriu nesta semana. No total, já são mais de 100 vagas contabilizadas para a população brasileira. Continue a leitura deste artigo e saiba mais!

A oportunidade na Amazon

Um dos maiores objetivos do estudante que ainda está na faculdade, é conseguir uma boa oportunidade para estagiar em alguma empresa. Unindo o útil ao agradável, a Amazon resolveu suprir algumas de suas necessidades com a abertura de seu programa de estágios.

A ideia é poder encontrar novos talentos que estejam residindo no estado de São Paulo. No entanto, mais especificamente em São Paulo, Cajamar e Jundiaí. Mas, foi dado um foco para as áreas que estão sendo requisitadas.

PROPAGANDA

Atualmente, na Amazon, existe uma grande necessidade em novos profissionais de Business Intelligence, Operações, Marketing, Finanças, RH e Comercial. Essas são as principais, porém também estão sendo disponibilizadas oportunidades em outras áreas.

O processo seletivo para vagas fixas ou temporárias também está aberto. Mas, de acordo com o que foi falado, o foco é o estagiário. Neste aspecto, é possível encontrar na Amazon um processo muito interessante para o aperfeiçoamento dos estagiários.

Segundo o informe da companhia, este profissional poderá ter a chance de impactar diretamente na evolução das tecnologias da empresa. Fora isso, o candidato também pode ser inserido em projetos de liderança, os quais devem somar muito positivamente para a sua formação profissional.

Para o processo seletivo, serão exigidos alguns conhecimentos importantes. Entre eles, alguns mais fáceis e outros mais específicos. Por exemplo, o mínimo exigido é que o candidato demonstre ter um bom domínio da escrita e se comunique bem de forma verbal.

Em contrapartida, para poder trabalhar na Amazon, será preciso que o interessado consiga falar uma segunda língua, o inglês. No entanto, diferente do que acontece em muitas empresas, o nível exigido é o de fluência. Também é necessário ter conhecimentos intermediários do Pacote Office.

Algumas áreas de atuação

Agora, para quem estiver mais interessado nos cargos fixos ou temporários, as áreas requisitadas são um pouco parecidas. Entre elas estão RH, Publicidade, Finanças, TI e Vendas. O grande objetivo da Amazon com os contratados para estes setores é que a equipe da Amazon Web Services.

Atualmente, esta equipe é a que fica responsável por toda a parte que envolve os serviços de computação em nuvem na Amazon. Para estes setores, existem diferenças quanto aos pré-requisitos. Afinal, eles variam de acordo com a posição em que o candidato será alocado.

Para saber mais a respeito, você pode acessar ao site da Amazon Jobs. Lá você terá todas as informações necessárias sobre as vagas e também de seus pré-requisitos.

Os salários são bem atrativos

No quesito salário, algumas empresas se saem melhor do que outras. No caso da Amazon, a realidade é bastante equilibrada. Não importa se você é um estagiário ou um funcionário de uma vaga efetiva, a companhia preza por lhe dar a devida recompensa.

Em uma rápida pesquisa que realizamos no portal Glassdoor, encontramos ótimas faixas de salário. Por exemplo, no caso de um estagiário, o valor pago é bem acima da média dos estágios de outras companhias. A quantia gira em torno de R$ 1900 por mês.

Logicamente, no caso dos cargos mais visados como os de gerência, o salário é bem mais alto. Alguns exemplos que encontramos, foram de gerentes que chegam a ganhar mais de R$ 10.000 em pagamentos mensais.

No entanto, quem fica com as recompensas mais altas são os funcionários envolvidos na parte de programação. Estas habilidades são muito requisitadas para um projeto da empresa que mencionamos anteriormente, o Amazon Web Services. Devido à sua grande importância e complexidade, os valores pagos chegam a ser superiores a R$ 15.000.

As vantagens de trabalhar na Amazon

Apesar desses números atrativos para a conta bancária, não é só no salário que conseguimos analisar a valorização do funcionário. Para isso, é muito importante levar em consideração os benefícios que a empresa oferta.

Neste quesito, a empresa também não deixa a desejar. Baseando-nos em comentários de empregados no portal Glassdoor, pudemos coletar algumas informações pertinentes a isso. A maioria dos relatos indica que o pacote de benefícios oferecidos é bem justo.

O acesso dos estagiários é um pouco mais limitado, não deixando de ser bom também. Para esta categoria, por exemplo, é disponibilizado o plano de saúde careplus, vale transporte e vale alimentação.

Mas, no caso dos efetivos, a realidade é ainda mais favorável. Para eles são disponibilizados plano dental, plano de saúde, previdência privada e seguro de vida. Tudo isso, é claro, sem excluir os que são conferidos aos estagiários.

Entre muitas polêmicas, um destaque

Em muitas ocasiões, a Amazon ficou em evidência devido a desentendimentos com funcionários no ambiente de trabalho. No entanto, mesmo assim, a companhia foi considerada pela Revista Fortune a segunda mais admirada nos EUA.

Sua fundação aconteceu no ano de 1994, pelo atual presidente Jeff Bezos. Hoje em dia, as operações da companhia se expandiram para diversos setores, entre eles os tecnológicos e não tecnológicos, os de leitura, itens raros e muito mais.

É estimado que, anualmente, seja faturada na Amazon uma quantia de 135 bilhões de dólares. Este valor médio foi obtido em 2016, quando a companhia contava com cerca de 341 mil funcionários.

PROPAGANDA